22 abril 2017

Indicação: Séries Confusas


As séries sempre tem o intuito de fazer você se aproximar da história, e entende-la diante a tela, mas e quando algumas dessas séries fogem do padrão e decidem fazer algo totalmente diferente? Do tipo, embaralhar sua cabeça e fazer uma viagem nos assuntos abordados?
Hoje vou indicar para vocês duas séries totalmente loucas para amar e terminar a temporada com "que viagem eu fiz aqui?" na cabeça. 

Crazyhead


Amy acha que está louca pois vê coisas que os outros não veem, Rachel têm certeza do que vê: demônios. As duas tem uma improvável amizade já que Amy é uma tímida funcionária de um clube de beliche e Rachel é uma desbocada diagnosticada com problemas mentais, mas, bem, ninguém nem sabe a metade de coisas que as duas fazem quando o dia anoitece. 
Toda a história começa quando a melhor amiga de Amy, Suzanne, é tomada por um demônio e as duas protagonistas decidem a exorcizar, porém, um pequeno erro ocorre e tudo vai por água abaixo. Enquanto isso, um demônio maior, líder de um movimento demoníaco está tramando algo que pode o fazer dominar todo o mundo, contando claro, com a morte de Rachel. 

Dirk Gently's Holistic Detective Agency


Todd trabalha num hotel e boa parte de seu dinheiro vai para o tratamento da doença de sua irmã, Amanda, até que de uma hora para outra é a principal testemunha do assassinato de um ricasso, e sua casa é invadida pelo detetive holístico Dirk Gently. É aí que sua vida vira de cabeça para baixo, sua irmã conhece novos caras, ele conhece a segurança particular  Farah e se apaixona  no mesmo instante e do outro lado da história está Bart, uma assassina que tem como refém e melhor amigo Ken. Mas não se engane. Tudo está conectado. E tudo é questão de tempo, quer dizer, várias voltas no tempo.

Essas séries maravilhosas são produzidas pela Netflix e tem segunda temporada confirmada! (Êeeee) Podem parecer louquíssimas em Londres, mas sério, elas valem muito a pena. CrazyHead tem só 6 eps e Dirk Gently 8. Nem precisa falar que se organizar uma maratona, dá pra assistir tudo em um dia né? 
Beijos, até mais!

17 abril 2017

I Hate u I Love u


Faz tempo que quero falar sobre meu novo vício que essa playlist, eu a fiz num dia chuvoso e desde de lá só consigo dar play para tudo que faço na minha vida, uma caminhada, uma tarefa, ou até dormir. Ela mistura muito cantores, e estilos, desde as mais calminhas até as pops.
Coloquei todo o EP Belle to Remember, da Hayley Kiyoko, já que mais uma vez eu não dei nada por uma coisa e me apaixonei mais que tudo. Temos também o lançamento da Lorde, Green Light e da Katy Perry Chained To The Rhythm - e vale avisar que estou muito ansiosa pelos próximos trabalhos dessas cantoras - e a ultima música que ganhou clipe da Astrid S, Hyde.
Ah e também a cantora Dagny, que lançou seu primeiro EP Ultraviolet, vem cantando Fight Sleep.



Essa playlist é sobre você se sentir livre, para dançar, cantar, se divertir, você libertar sua alma e dançar junto com ritmo da música sem medo de ser visto. É isso que sinto quando escuto, e espero que vocês sintam o mesmo!
Beijos, até a próxima.

15 abril 2017

Viral: um filme para quem tem estômago


Eu estava cansada de assistir séries, então decidi que iria assistir um filme e nem precisei ver muito do catálogo da Netflix, lá estava destacado um filme que a imagem já entregava tudo: que nojo! Foi esse mesmo que cliquei para assistir, uma das coisas mais nojentas que já vi, logo no começo me deu ânsia de vômito - minha prima até me perguntou se eu iria vomitar - e essas ânsias voltaram ao longo do filme. Vocês acham que Santa Clarita foi nojento? É porque você não viu Viral, baby.



A História

Estados Unidos está tomado por um vírus que se espalha por secreções e transforma as pessoas, elas ficam agressivas e claramente nojentas. As irmãs Emma e Stacey estão no meio disso tudo, mas elas não acham que está próximo, até que a cidade onde vivem entra em quarentena e elas ficam sem os pais - pois eles estão em outra cidade - e sem comida - só tem a comida fast food que o governo os deu - mas elas contam com Evan, a paixão de Emma e grande ajudante numa missão suicida: abrigar Stacey, que está infectada com o vírus.


Os Personagens

Emma, interpretada por Sofia Black D'Elia, está confusa com a mudança repentina de cidade, de escola, e de amigos; seu pai é seu professor, ela tem uma amiga que em poucos dias que se conhecem se tornou inseparável e uma paixão chama Evan. mas tudo vai por água a baixo quando sua cidade fica em quarentena e seus pais estão presos no outro lado da barreira. 
Stacey, interpretada por Analeigh Tipton, está de mudança junto com sua família depois de descobrir os podres que seu pai fazia, mas ela encontra um cara legal para se divertir - e beijar - chamado CJ. Mas, numa festa, ela contraí um vírus que muda tudo ao seu redor. 
Evan, interpretado por Travis Tope, mora com seu padrasto babaca mas não se deixa abater por qualquer besteira, ele segue tentando buscar a felicidade, em algo ou alguém, até que seus olhos se encontram com a novata Emma. E, por ela, ele pode até enterrar uma pessoa. 

Sobre viral, eu sei que é considerado um filme meio ruim, mas como eu amo um filme ruim, eu o considero bom demais para um sexta a noite, não é um filme que você vai rir mas garanto que você não vai lembrar do seu ex. Ele é desagradavelmente nojento, mas é bom, sua história não sai do controle, nem para ruim nem para bom. Então, para quem quer um terror que não dá medo. ele é um prato servido!


10 abril 2017

3%: o Processo


Em novembro do ano passado a coisa que mais esperava - e já tinha marcado até no calendário - era a estreia da primeira série brasileira original da Netflix, e quando estreou eu fui correndo assistir e me apaixonei pela história, tá que já faz quatro meses que essa série estreou, mas hoje vou falar sobre essa obra linda!

Originalmente, a história de 3% eram três episódios de um falho projeto de série,  era um concurso, haviam outras histórias competindo com essa, e e 3% infelizmente perdeu - ou felizmente, porque essa série sendo da globo... - mas a Netflix viu potencial no enrendo, e deu um diferencial à história, mas sempre respeitando sua essência - e colocando negros dessa vez, pois vemos claramente que mesmo a trama se passando no Brasil, não há nenhum negro nos três episódios originais.


Enredo 

O continente é um lugar miserável e aos 20 anos, as pessoas podem participar de uma espécie de concurso chamado Processo, que testa a capacidade do cidadão por meio de entrevistas e testes.Se o a pessoa passar pelo Processo, é levado ao Mar Alto, que é o extremo contrário do continente, Mar alto é o que os jovens mais desejam, porém, uma advertência que dá calafrios: somente 3% dos candidatos irão passar pelo Processo.


Personagens

Michele, interpretada Bianca Comparato, é uma menina que sonha em passar pelo Processo, mas não pelos motivos óbvios, e sim para destruir o processo. Ela é da Causa, a maior inimiga do Processo, pois prega que o Processo é a maior ilusão já criada, que é injusto - nisso todos nós concordamos -Então Michele está infiltrada no concurso, porém ela não conta com coisas que podem a fazer pensar diferente. 
Ezequiel, interpretado por João Miguel, é o chefe do Processo, é ele que controla tudo. depois que sua esposa se suicidou - aliás, foi a primeira pessoa do Mar Alto que realizou tal ato - ele passou a fazer algo escondido toda semana, quebrando as regras do Mar Alto. 
Fernando, interpretado por Michel Gomes, é um cadeirante e filho de um adorador do Processo, todos o acham frágil demais para o Processo, mas ele sempre teve o sonho de passar, mas, quando vê o que o Processo realmente é, tudo que ele sempre acreditou vai por água abaixo. 
Rafael, interpretado por Rodolfo Valente, esconde um grande segredo que pode o expulsar do Processo: na verdade, seu nome é Tiago e ele tem 21 anos, sua chance já foi no ano passado então não pode participar mais. 
Joana, interpretada por Vaneza Oliveira, matou alguém por desespero e precisou fugir do Continente, antes sem identidade nenhuma, mas depois de uma micro-cirurgia recebe seu novo nome: Joana.
Mar/co, interpretado por Rafael Lozano, é de família rica, onde todos seus familiares passaram pelo Processo e por isso, tem uma pressão a mais para passar, se ele não passar, irá ser a vergonha da família. Então, ele pode sim exagerar para conseguir entrar no Mar Alto.
  
Mores, vocês já viram? Qual a opinião de vocês sobre a série? Essa série é bem dividida em opiniões boas e ruins, eu particularmente, acho ela uma das melhores!
Beijos, até a próxima. 

08 abril 2017

Séries com menos de 30 minutos


Quem gosta de série rápida que em um dia já dá para terminar? Eu amo, e sempre que enjoo de séries longuíssimas, vou logo procurando umas sériezinhas para distrair a cabeça e que seja rápida para eu não me esquentar com a demora do final haha Mas assim, é um pouco díficil, não tem a opção "séries com menos de 30 minutos cada episódio" na caixa de busca da Netflix, então para facilitar você que tá com uma preguiça de maratonar uma Grey's Anatomy da vida, indicarei séries que já assisti e amei.

Dramaworld 



Claire, interpretada por Liv Hewson é obcecada pelo mundo do drama coreano e tem uma vida comum, até que um dia ela é transportada, por meio do seu celular, para o mundo de seu k-drama preferido Taste Of Love e recebe a pesada missão de salvar o mundo do drama, pois ele está em risco, já que os protagonistas não estão tendo um desenrolamento romântico.
É o tipo de série que você termina enquanto come pipoca, seus episódios são de menos de 20 minutos, mas não se engane, é uma das séries mais criativas que vi, mistura tudo o que dorama tem: Romance, Vilões, Drama, e claro, muita Confusão - e essa parte vem principalmente de Claire; com uma espécie de ficção atemporal. É realmente uma surpresa ótima o potencial dessa série, que tem uma temporada e já está finalizada, mas isso não importa, a gente tem mais de Liv Hewson em Santa Clarita Diet haha

Degrassi: Next Class


Degrassi fala sobre um grupo de jovens em suas primeiras experiências, se descobrindo e descobrindo um ao outro.
Essa é a melhor série adolescente que já vi, eu me viciei desde o primeiro episódio, aliás, os episódios tem 24 minutos de duração e muita, muita mensagem sobre adolescentes para adolescentes, não é aquela típica série que vai falar sobre como sofremos com nossas desilusões amorosas, ela diz sobre coisas que realmente importam, coisas que todos nós sofremos, temos de lidar, como racismo, machismo, homofobismo e doenças como depressão. Realmente eu recomendo para todos os adolescentes, melhor série!

Skam


Outra série adolescente, que se passa na noruegua, o que é muito bom já que muita gente - como eu - não tem muita noção das diferenças e cultura de lá. Cada temporada conta com uma história, a primeira acompanha a vida de Eva e seu grupo de amigas, a segunda Noora e sua luta pós estrupo e a terceira Isak e sua homossexualidade.
Falta um episódio para eu terminar a primeira temporada - o que é uma vergonha, já que todo adolescente do Twitter já viu - mas pelo que eu vi, é uma coisa fantástica e que aborda os temas com muita realidade, não é aquela coisa meio "tá tudo uma bosta mas no final a gente fica feliz" é uma coisa mais real sabe? Eu amo isso nessa série.

Please Like Me


Sabe quando você assiste uma série e se apega aos personagens? Se apega ao ponto de confundir ator e personagem? Então, esse é o efeito de Please Like Me em mim. A série conta a história de Josh e sua descoberta mais óbvia: ele é gay! Toda sua vida depois dos vinte é contada nos episódios de 26 minutos, seus namoros, sua relação com seu pai que é casado com outra mulher que não é sua mãe e sua mãe que tem tendências suicidas, sem deixar para depois seus melhores amigos Tom e Claire.
Eu não sei as outras pessoas que assistiram essa série, mas é a série que eu mais me apeguei, eu chorei quando terminei a quarta temporada, o peso de saber que nunca mais veria as aventuras de Josh me deixaram realmente sem vontade de sair da cama - to falando sério, fiquei enrolando na cama antes de terminar o ultimo episódio - e sim, eu chorei muito com o final - eu nunca chorei tanto por série como chorei com Please.

Vocês assistem alguma outra série rápida? Quero indicações, please!
Beijão gente, até a próxima.